Takiji Kobayashi

Takiji Kobayashi

Takiji Kobayashi nasceu em Odate, em 1903. Com apenas 23 anos começou a colaborar com o movimento sindical e com o Partido Comunista, à medida que a sua reputação literária ia crescendo. Ao publicar Kanikosen em 1929 tornou-se o grande escritor do proletariado, acabando por ser preso várias vezes e acusado de actividades subversivas. Passou a valer-se de pseudónimos, mas em 1933 foi detido pela Polícia Secreta que o torturou e espancou até à morte. Com 30 anos tornou-se um mártir do movimento operário. Nas suas obras, o compromisso político e o valor literário confluem para a luta contra a injustiça social.