Bebés Brilhantes

de

17,00€ 15,30€*

Bebés Brilhantes reúne dicas simples, eficazes, divertidas e cientificamente comprovadas para desenvolver a inteligência das crianças. Jill Stamm, a autora do livro, é especialista em desenvolvimento mental precoce. 


PORTES: GRÁTIS DISPONIBILIDADE: Em Stock DESCONTO IMEDIATO DE 10% * DESCONTO VÁLIDO PARA O DIA 23/07/2019 Sobre preços e promoções consulte as nossas Condições Gerais de Venda.
ISBN: 9789897243509 Edição ou reimpressão: Páginas: 376 Dimensões: 23.50 x 15.50 x 2.20 cm Peso: 370 Categoria: Temática:

Nota prévia: Todo o investimento pessoal de tempo e nos cuidados desde o nascimento até aos três anos resultará em recompensas tanto para os pais como para os mais pequenos.

Facto: sabe-se hoje que os estímulos ao desenvolvimento do cérebro do bebé podem ter um impacto significativo no futuro da criança. Boa notícia: as atividades e brincadeiras capazes de despertar a inteligência e o potencial emocional das crianças são simples, fáceis de implementar e divertidas. 

→ Converse bastante com o bebé. Muitos especialistas recomendam aos pais que “pensem” alto ou, simplesmente, que descrevam aquilo que estão a fazer. Isso favorece o desenvolvimento da linguagem e, mais tarde, da leitura. Há três elementos importantes para incentivar o desenvolvimento da linguagem: o número, a variedade e a complexidade das palavras e a forma como elas são ditas. Quanto mais diversificado for o vocabulário, melhor. 

→ Invista no contacto visual. Diversas pesquisas mostram que aos 3 ou 4 meses os bebés são capazes de distinguir as expressões faciais dos pais e por volta dos 5 meses já são capazes de compreender emoções num rosto desconhecido. Essa capacidade é, na verdade, um marco da habilidade de comunicação não-verbal e ajuda no desenvolvimento do cérebro dos bebés. 

→ Reduza o tempo de “prisão” do bebé. Para a autora do livro, as crianças passam demasiado tempo “amarradas” ou limitadas a determinados espaços, como a espreguiçadeira, o carrinho, a cadeirinha da papa ou o parque. Para Jill Stamm, vale sempre a pena ficar por perto da criança e deixá-la solta o mais possível. Dessa forma, ela fica mais livre para movimentar-se e interagir com aquilo que está à volta dela. 

→ Aponte para as coisas que descreve: pesquisas demostram que as crianças desenvolvem a linguagem mais rápido quando se aponta para o objeto enquanto se diz a palavra que o descreve. Por volta dos 9 meses, a maioria dos bebés começa a seguir a direção do dedo e pouco tempo depois é normal que a criança traga objetos para mostrar aos pais. É a chamada "atenção compartilhada", um marco do desenvolvimento social. 

Nota final: Bebés Brilhantes é sobre tudo isto e também sobre a importância de não fazer nada. Os cérebros precisam na verdade de descanso, bem como experiências quer permitam conectar-se. Estar ocioso leva a que os circuitos se desenvolvam, que o cérebro pegue naquilo que já sabe e pense, reflita e mude. (pág. 144) É assim que nasce a criatividade e a consolidação da memória.

Eis portanto «um livro precioso que o vai ajudar a enriquecer a vida do seu filho, alimentando o seu cérebro em crescimento com muito amor e divertimento inteligente.» Dr. Harvey Karp, autor de O Bebé Mais Feliz do Mundo